Verdadeiras Testemunhas

terça, 05 de agosto de 2014 às 17:37

Caption

O esposo de Fátima Gonçalves Ramos enfrentava uma séria crise de consciência. Por três anos, sua esposa e ele receberam estudos das Testemunhas de Jeová e, mesmo com grande devoção à religião, o álcool continuava representando um problema para a família. “Temia que meus filhos seguissem o exemplo do pai, pois era muito comum ter bebida em casa”, explicou Fátima ao pastor Ubyratan Araújo e às pessoas que estavam na Sede Nacional da Paz e Vida.

Quando encontrou a programação de rádio da Paz e Vida, o marido de Fátima ouviu o pastor Juanribe Pagliarin contestar, com base na Palavra de Deus, as crenças das Testemunhas de Jeová. Estava estabelecida a crise. “Ele me disse: ‘Estou ouvindo um pastor que diz que o que as Testemunhas de Jeová pregam não está certo’”, lembra Fátima.

O marido resolveu investigar a fundo os ensinos, comparando-os com a Bíblia, orando para que Deus lhe mostrasse a verdade. Concluiu que as contestações do pastor no rádio tinham fundamento e abandonou a fé errada. Foi a Paz e Vida, aceitou o Senhor Jesus como Único, Suficiente, Exclusivo e Eterno Senhor e Salvador, batizou-se e largou o vício. “Em apenas um mês de Paz e Vida, meu marido parou de beber”, certifica a esposa que hoje é obreira na Sede Nacional da Paz e Vida.

Hoje, a família de Fátima, de fato, testemunha o poder de Deus. “Meu lar foi totalmente transformado”, celebra.

Por: Pregadores do Telhado